Automobilismo

GP do Japão de Fórmula 1 é cancelado por conta do aumento de casos de Covid-19

A Fórmula 1 anunciou, nesta semana, o cancelamento do Grande Prêmio do Japão de 2021, em razão do aumento de casos de coronavírus no país. Este é o segundo ano seguido que o evento é cancelado no país.

A decisão foi tomada pelos organizadores da prova em conjunto com autoridades japonesas. A etapa estava prevista para os dias 8, 9 e 10 de outubro, depois do GP da Turquia e antes do GP dos Estados Unidos. A entidade ainda não confirmou se haverá outra prova substituindo o circuito de Suzuka.

+ Veja a classificação completa da Fórmula 1

– A decisão foi tomada pelo governo japonês devido às atuais complexidades da pandemia no país. A Fórmula 1 está agora trabalhando no calendário revisado, e vai anunciar os detalhes finais nas próximas semanas. A F1 provou esse ano e em 2020 que pode se adaptar e encontrar soluções para as incertezas do momento, e está animada com o interesse de locais que desejam receber eventos da Fórmula 1 este ano e além”, informou a F1.

O GP do Japão foi a quinta etapa cancelada ou adiada nesta temporada. Anteriormente, a F1 havia cancelado o GP do Canadá, Singapura e Austrália. O GP da Turquia, também havia sido cancelado, mas foi realocado para o dia 3 de outubro.

Segundo o governo, mais de 1600 pessoas estão internadas em estados grave, infectadas por coronavírus, sendo o maior número desde o começo da pandemia.

No total, o país acumula mais de 1,2 milhão de casos e 15 mil mortes devido a Covid-19.