Últimas Notícias

Série B: Em rodada com retorno de públicos, times do G4 mantém a distância para os demais; Líder Coritiba empata com o Vitória; Botafogo perde para o CSA

Encerrou nesta quarta-feira (22), a 25ªrodada da série B do Campeonato Brasileiro. Vasco e Cruzeiro empatam e veem o acesso mais difícil, Guarani vence e se aproxima. Goiás perde…

Em uma rodada muito movimentada, a Série B entra no último terço da competição com briga pelo acesso e pelo descenso praticamente definidos.

Cruzeiro e Vasco fizeram um jogo movimentado e confuso no domingo (19) na abertura da rodada. o Vasco saiu na frente, e até chegou a marcar o segundo gol, que acabou sendo anulado e no lance seguinte, o Cruzeiro empatou se seguiu com sua sequencia invicta desde que Wanderlei Luxemburgo assumiu, mas essa série de empates mantém o time celeste na parte debaixo da tabela. O Vasco, mesmo na parte de cima fica a 10 pontos do G4 e precisa de uma campanha de campeão pra conseguir o acesso ainda nesta temporada.

A rodada só teve jogo novamente na terça-feira (21), Com o Guarani recebendo o Remo no Brinco de Ouro e vencendo pelo placar de 2 a 0. Jogo que com a combinação de resultados colocou o Bugre na 5ª colocação a 3 pontos do G4, podendo entrar na próxima rodada, mas tem um jogo complicado com o líder Coritiba na capital paranaense e com o retorno do público ao Couto Pereira.

Em São Luís, o Sampaio Correa contou com o retorno da torcida no seu estádio e deu a entender que ganharia com tranquilidade do Brusque ao abrir 2 a 0. Mas o time catarinense não desistiu e mesmo após 6 jogos sem marcar gols, buscou o empate e volta pra Santa Catarina com um ponto. O Sampaio, com esse empate, viu o G4 se afastar, precisando vencer o próximo jogo contra o Botafogo no Rio de Janeiro. O Brusque começa a se ver ameaçado pela Zona de Rebaixamento e recebe o Vasco para tentar se recuperar.

Ainda na terça-feira, tivemos dois jogos envolvendo integrantes do G4, ambos as 19 horas. O Avaí venceu o Goiás por 1 a 0 e voltou a sonhar com o acesso, o time catarinense somou 40 pontos e fica a 4 do G4, já o Goiás permanece no G4 , mas vê o CRB se aproximar ao vencer o lanterna Brasil de Pelotas por 1 a 0 no mesmo horário. O CRB mantém a distância para o 5º colocado e segue forte na briga pelo acesso. Mais tarde, às 21 horas tivemos o empate em 0 a 0 entre Vila Nova e Confiança. O empate manteve o time goiano fora da ZR, já o Confiança segue na penúltima colocação. Precisando urgente de uma vitória para tentar se recuperar e permanecer na Série B.

Na quarta-feira (22), o líder Coritiba foi a Salvador enfrentar o Vitória para tentar manter a distância dentro da Zona de acesso a Série A. Mas não conseguiu sair do 0 a 0. Em um jogo sem tantas emoções parou no goleiro Lucas Arcanjo quando chegou. O Coritiba se mantém na liderança, mas vê sua vantagem cair de 10 para 8 pontos em relação ao Guarani, seu próximo adversário dentro do Couto Pereira e com o retorno do público. O Vitória vive uma fase complicada, chegando a 10 jogos dentro da ZR e precisa vencer o Londrina em confronto direto na próxima rodada.

Ainda na quarta-feira, o Operário recebeu a Ponte Preta no Germano Krüger e foi derrotado por 2 a 1 e estacionou nos 34 pontos. A Macaca, por sua vez, chegou a 29 pontos e se afastou da ZR, abrindo 4 pontos para o Vitória. Na próxima rodada a Ponte Preta tenta afastar de vez do perigo da queda enfrentando o lanterna Brasil de Pelotas e o Operário vai até Aracaju enfrentar o Confiança.

Fechando a rodada o Botafogo foi a Maceió enfrentar o CSA. O time alagoano contava com o retorno da sua torcida e aproveitou desse fator pra vencer o time carioca. Em um primeiro tempo morno, mas com mais qualidade e se arriscou mais. No segundo tempo as coisas aconteceram melhor para o CSA, que abriu o placar aos 9 minutos e ampliou aos 23. Depois disso não tivemos mais emoção durante o jogo. O Botafogo se mantem no G4, mas terminou a sequencia de 5 vitórias consecutivos. Na próxima rodada o Alvinegro recebe o Sampaio Correa no Engenhão, enquanto o CSA vai a Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro no Independência.