Últimas Notícias

WTA 1000 Indian Wells: Em jogo muito equilibrado e com muita “agressividade”, Badosa vence seu primeiro grande torneio do circuito

Em mais de 3 horas de jogo, a espanhola Paula Badosa precisou de 2 Tie Breaks pra ser campeã pela primeira vez de um torneio de tanta importância.

Em uma tarde inspirada para as duas tenistas, tivemos um jogo emocionante de viradas e reviravoltas. Com diversas quebras e devoluções, Victoria Azarenka e Paula Badosa fizeram um jogo que mostrou porque as duas chegaram até a final. Total merecimento. E no jogo final não foi diferente, com muita intensidade, e partindo pra “porradaria”, qualquer uma das duas poderia ter saído vencedora.

No primeiro set, Com trocas de games constantes, tivemos 4 quebras de saques, duas pra cada lado e todas em sequencia. Azarenka buscou ser sempre agressiva, forçando bastante o jogo. Badosa entrou no jogo e conseguia responder a altura, se defendendo muito bem e usando as paralelas como principais saídas. Quando esta parcial estava em 2/2, Azarenka conseguiu quebrar o saque de Badosa, que respondeu logo no game seguinte, igualando em 3/3. Nos dois games seguintes, a mesma historia, tanto Azarenka, como Badosa quebraram os saques em sequencia. depois disso, ambas confirmaram seus saques, levando o set ao Tie Break. No Tie Break, Badosa abriu 3 a 0 e conseguiu manter o controle até o fim do set, fechando o tie break em 7 a 5 e consequentemente o set em 7/6, um set com duração de aproximadamente 1 hora.

No segundo set parecia outro jogo, Azarenka voltou avassaladora, quebrando 3 saques contra uma quebra da espanhola. Mantendo um ritmo forte, conseguiu se impor e venceu com tranquilidade a segunda parcial por 6/2, empatando a partida em poucos minutos, diferentemente do set anterior.

No set decisivo, imaginava-se uma Azarenka como mesmo ritmo para conquistar seu terceiro título em Indian Wells, mas Paula Badosa voltou ao jogo e igualou novamente. Mantendo o alto ritmo da partida, com muitas trocas e quebras seguidas. Quando o jogo estava em 4/4, Vika conseguiu uma quebra e sacou pra fechar a partida. Chegou a abrir 30-0, mas acabou cedendo para Badosa que quebrou o saque e confirmou em seguida. A bielorrussa confirmou seu saque e chegamos ao tie Break pra decidir quem seria a nova campeã em Indian Wells. No Tie Break, a espanhola acelerou e chegou a abrir 5/1, depois disso so manteve o ritmo, e no seu primeiro Match Point, quando fez 6 a 2, nao deu chance para o azar e fechou a partida com um 7-2 no Tie Break, fechando a parcial em 7/6 e conquistando pela primeira vez um torneio desta relevância, que por mais que seja um Masters 1000, é considerado o 5º Grand Slam do circuito.

A jovem de 23 anos mostra que tem muito futuro ainda no circuito, que vem se renovando nos últimos torneios. Mas ainda teremos muita emoção em 2021, com o Masters 100 de Paris e o WTA Finals em Turim no final de Novembro.