Últimas Notícias

Copa Davis: Convocação das seleções e Grupos da Fase Final definidos

Nesta segunda-feira (25), tivemos a divulgação das seleções para a disputa da Fase Final do torneio mais importante por equipes no tênis. Os grandes destaques vão para Novak Djokovic e Daniil Medvedev, números 1 e 2 do ranking respectivamente, que vão defender os seus países.

Entre os dias 25 de novembro e 5 de Dezembro de 2021, a Fase Final da Copa Davis volta a ser disputada, após o período Pandêmico. E pela primeira vez, esta fase será disputada em três países diferentes, Madri (Espanha), Innsbruk (Áustria) e Turim (Itália). A Fase contará com 18 seleções, que serão separadas em 6 grupos de 3 equipes. Os grupos serão disputados 2 em cada sede. O campeão de cada Grupo e os dois melhores segundo colocados se classificam para as quartas-de-final para os confrontos diretos e consequentemente semi-final e final. A partir das quartas-de-final, os jogos serão disputados todos em Madri (Espanha).

Veja o Cronograma da Competição:
  • 25 a 28 de novembro – Fase de Grupos (Espanha, Áustria e Itália)
  • 29 de novembro a 1 de dezembro – Quartas-de-final (Espanha)
  • 3 e 4 de dezembro – Semi-final (Espanha)
  • 5 de dezembro – Final (Espanha)

GRUPO A (MADRI – ESPANHA)

No Grupo A teremos o confronto entre duas potências do Tênis. A Rússia, com 3 jogadores Top 20, incluindo os números 2 (Medvedev) e 6 (Rublev), além da Espanha, que conta com Carreño (18º do ranking), Bautista ( 20º) e o Jovem Carlos Alcaraz, que vem crescendo muito ao longo do circuito. O terceiro país a disputar no Grupo A é o Equador, que tem como destaque, Emílio Gomez, número 149 do ranking. O Favoritismo do Grupo fica dividido entre os anfitriões (espanhóis) e os Russos que vem ganhando espaço neste circuito de 2021.

Confira abaixo as seleções completas do Grupo A

Espanha
Pablo Carreño
Roberto Bautista
Carlos Alcaraz
Feliciano López
Marcel Granollers

Rússia
Daniil Medvedev
Andrey Rublev
Aslan Karatsev
Karen Khachanov
Evgeny Donskoy

Equador
Emilio Gomez
Roberto Quiroz
Diego Hidalgo
Gonzalo Escobar
Cayetano March

GRUPO B (MADRI – ESPANHA)

No grupo B, temos o Canadá como grande Favorito, com nomes como Felix Auger-Aliassime e Denis Shapovalov (12 e 13 do ranking respectivamente), mas devem enfrentar uma certa dificuldade contra a seleção Cazaque, com Alexander Bublik (34º do ranking) como destaque. A Suécia corre por fora neste grupo, com destaque para os irmãos Mikael e Elias Ymer. Mikael é o atual 101º do ranking.

Confira abaixo as seleções completas do Grupo B

Canadá
Felix Auger-Aliassime
Denis shapovalov
Vasek Pospisil
Brayden Schnur
Peter Polansky

Cazaquistão
Alexander Bublik
Mikhail Kukushkin
Dmitry Popko
Aleksandr Nedovyesov
Andrey Golubev

Suécia
Mikael Ymer
Elias Ymer
Jonathan Mridha
Andre Goransson

GRUPO c (innsbruk – áustria)

O Grupo C conta com França, Grã-Bretanha e República Tcheca. A França nao vem com seu principal jogador, Gael Monfils, mas conta com Ugo Humbert e Richard Gasquet, que podem fazer a diferença para os Franceses. A seleção da Grã-Bretanha, apesar de estar somente com 4 jogadores, vem muito forte, com Cameron Norrie, atual campeão em Indian Wells, Daniel Evans (24º) e tambem com dois especialistas em Duplas, Joe Salisbury e Neal Skupski. A República Tcheca vem pra tentar desbancar as favoritas. O principal jogador da Seleção Tcheca é Jiri Vesely, o único Top 100 do país.

Confira abaixo as seleções completas do Grupo c

França
Ugo Humbert
Arthur Rinderknech
Richard Gasquet
Pierre-Hugues Herbert
Nicolas Mahut

Grã-Bretanha
Cameron Norrie
Daniel Evans
Joe Salisbury
Neal Skupski

República Tcheca
Jiri Vesely
Tomas Machac
Zdenek Kolar
Jiri Lehecka
Lukas Rosol

GRUPO d (TURIM – ITÁLIA)

O Grupo D da Fase Final está muito equilibrado, a Croácia deposita suas esperanças em Marin Cilic (35º do Ranking) para conseguir superar seus adversários. A Austrália deve ser o principal adversário da Croácia neste Grupo, com Alex de Minaur crescendo muito nos últimos torneios. A Hungria precisa trabalhar duro para conseguir passar para as Quartas de Final, e para isso, conta com Marton Fucsovics, 39º do ranking para tentar pontuar o suficiente para passar de fase.

Confira abaixo as seleções completas do Grupo D

Croácia
Marin Cilic
Borna Coric
Borna Gojo
Nikola Mektic
Mate Pavic

Austrália
Alex de Minaur
John Millman
Jordan Thompson
Alexei Popyrin
John Peers

Hungria
Marton Fucsovics
Attila Balázs
Zombor Piros
Fabian Marozsan
Mate Valkusz

GRUPO e (TURIM – ITÁLIA)

Grupo Muito equilibrado também, o Estados Unidos conta com Isner, Opelka e Fritz, que vem fazendo um bom circuito em 2021, o que pode deixá-los como leves favoritos a passar de fase, mas a Itália, além de ser a dona da casa nesta fase, tem Berrettini e Sinner, que figuram entre os Top 10, inclusive com Berrettini já garantido no ATP Finals. A Colômbia pode ser considerada a equipe franca atiradora neste grupo, não só por ter apenas 4 jogadores convocados, mas por ter apenas Daniel Galán figurando no ranking, mas apenas na 106ª posição.

Confira abaixo as seleções completas do Grupo e

Estados Unidos
John Isner
Reilly Opelka
Taylor Fritz
rajeev Ram
Jack Sock

Itália
Matteo Berrettini
Jannik Sinner
Lorenzo Sonego
Fabio Fognini
Lorenzo Musetti

Colômbia
Daniel Galán
Nicolás Mejía
Juan Sebastian Cabal
Robert Farah

GRUPO f (innsbruk – áustria)

O Grupo F conta com a presença do melhor jogador da atualidade, ranqueado em 1º lugar ha mais de 50 semanas, Novak Djokovic, defendendo a seleção sérvia, onde todos os 5 atletas estão no Top 100 do Ranking, tornando-os favoritos neste grupo. A Alemanha tem uma seleção muito forte, apesar de não contar com o seu melhor ranqueado, Alexander Zverev, tem nomes fortes como Struff e Koepfer, além do numero 5 do ranking de duplas, Kevin Krawietz. Os anfitriões do grupo vão correr por fora se quiserem beliscar uma vaga nas quartas de final, já que o seu principal jogador, Dominic Thiem está lesionado e não joga mais no circuito de 2021.

Confira abaixo as seleções completas do Grupo f

Sérvia
Novak Djokovic
Filip Krajinovic
Dusan Lajovic
Laslo Djere
Miomir Kecmanovic

Alemanha
Jan-Lennard Struff
Dominik Koepfer
Peter Gojowczyk
Kevin Krawietz
Tim Puetz

Áustria
Dennis Novak
Jirij Rodionov
Gerald Melzer
Olivier Marach
Philip Oswald