Últimas Notícias

Ronald Koeman não é mais treinador do Barcelona

Após derrota para o Rayo Vallecano, o treinador foi demitido pelo clube catalão. A informação foi dada inicialmente pelo Diario Sport, e confirmada em seguida pelas redes sociais do Barcelona. A derrota nesta quarta-feira (27), foi a gota d’água para o técnico holandês, pois o clube ocupa a nona colocação no Campeonato Espanhol, perdeu o clássico para o Real Madrid no Camp Nou no último domingo (24) e corre sérios riscos de ser eliminado na fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa 2021-2022.

Koeman estava no Barcelona desde agosto de 2020 e tinha contrato válido até o fim da atual temporada, deixando o time após 65 jogos disputados, com 38 vitórias, 12 empates e 15 derrotas, tendo 64% de aproveitamento e uma conquista de Copa do Rei no currículo. O treinador também tem história no clube como jogador. Foi dele o gol que deu ao Barcelona seu primeiro título de Liga dos Campeões em 1992.

Mesmo sendo bancado no cargo no fim da última temporada, o mau desempenho e os resultados ruins da equipe deixaram o clima insustentável para a permanência do técnico no clube. Agora, o Barcelona já corre atrás de um substituto, e o nome do ex-meia Xavi é o favorito da diretoria.

Leia a nota do Barcelona anunciando a demissão de Koeman:

O FC Barcelona dispensou Ronald Koeman de suas funções como treinador principal. O presidente do clube, Joan Laporta, o informou da decisão após a derrota para o Rayo Vallecano. Ronald Koeman vai se despedir do plantel na quinta-feira na Ciutat Esportiva.  

O FC Barcelona agradece-lhe o serviço prestado ao Clube e deseja-lhe as maiores felicidades na sua carreira profissional.

Imagem destacada: Divulgação / FC Barcelona