Automobilismo

Após investigações por irregularidades em treino classificatório, Hamilton e Verstappen são punidos no GP de São Paulo

Os pilotos Lewis Hamilton (Mercedes) e Max Verstappen (Red Bull Racing Honda), sofreram punições por irregularidades na etapa de classificação para a corrida sprint que acontece neste sábado, às 16h, no circuito de Interlagos, em São Paulo.

+ Veja a classificação da Fórmula 1

Hamilton havia ficado com a primeira posição e largaria na ponta na etapa deste sábado, porém, por irregularidade na asa móvel, o britânico foi punido com a desclassificação na etapa de sexta-feira (12) e largará da última posição neste sábado.

Já Verstappen, suspeito de ter tocado na asa do carro de Lewis em situação de parque fechado – algo que não é permitido pelo regulamento – foi punido com uma multa de 50 mil euros.

– É claro para os comissários que se tornou um hábito dos pilotos tocar nos carros após as sessões. Esta foi a explicação de Verstappen. Essa tendência foi vista como inofensiva e, portanto, não é policiada de maneira uniforme. No entanto, é uma violação do regulamento do parque fechado e tem um potencial significativo de causar danos. Considerando o fato de que nenhum dano direto foi causado e não existe precedente anterior de penalidades para isso, mas que ainda é uma violação do regulamento e tem potencial para graves consequências, os comissários decidiram tomar medidas e ordernar uma multa – declarou a FIA.

A corrida sprint acontece neste sábado, às 16h30, no GP de São Paulo. A prova principal será disputada no domingo (14), às 14h.

Foto: Motorsport Images