Europa

Jogadores brasileiros pedem ajuda para deixar Ucrânia

Nesta quinta (24), 13 jogadores brasileiros de futebol, que atuam nas equipes ucranianas de Shakhtar Donetsk e Dínamo de Kiev, gravaram um vídeo direto do hotel onde estão em Kiev, capital da Ucrânia, ao lado de suas esposas e filhos. No vídeo, os atletas pedem ajuda ao governo brasileiro para saírem do país europeu.

Apenas com os pertences que tinham nos carros, eles dizem que não tem condições de deixar o país por conta própria, já que as fronteiras aéreas foram fechadas e também, devido à ausência de combustível e suprimentos importantes, impossibilitando viagens por terra.

Segundo detalha, o jornal Sapo Desporto, de Portugal, o presidente da Rússia Vladimir Putin deu início a uma operação militar no leste ucraniano, anunciando que tem como objetivo proteger os civis de etnia russa nas repúblicas separatistas de Donestk e Lugansk.

Diversos moradores dessa parte da Ucrânia já deixaram suas casas. O porta-voz do arquivo de mídia é o zagueiro Marlon Santos, revelado pelo Fluminense e atualmente no Shakhtar Donetsk. Veja a seguir.