Copa do Brasil

Tombense elimina Moto Club e conquista feito inédito na Copa do Brasil

Nesta quarta (16), no estádio Nhozinho Santos, em São Luís, Moto Club e Tombense/MG se enfrentaram pela segunda fase da Copa do Brasil e o Papão do norte empatou com o gavião pelo placar de 1×1 no tempo normal, mas o time da cidade de Tombos venceu a disputa de pênaltis por 4×2, conseguiu a classificação e segue adiante.

O Moto dominou a maior parte das ações no primeiro tempo, aos 13, Emerson Nike aproveitou encobriu o goleiro Rafael Santos e abriu o placar para os maranhenses, a equipe mineira possuía dificuldade em furar a zaga adversária, mas aos 39, Ciel, artilheiro do Tombense na temporada, chegou ao seu sexto gol ao chutar por debaixo do goleiro João Paulo.

Dividida entre atletas de Moto Club e Tombense. Crédito: Hiago Ferreira/Moto Club.

Contra o clube rubro-negro, o camisa 99 havia marcado dois gols na temporada passada, ambos na final do campeonato maranhense, quando atuava pelo arquirrival Sampaio Corrêa.

O segundo tempo não teve tantas emoções quanto o segundo, a partida ficou paralisada em alguns momentos para jogadores das duas equipes serem atendidas e tanto o Moto Club quanto o Gavião tentaram criar jogadas, mas na maioria das ocasiões, as zagas impediram os jogadores de ataque terem sucesso nas tentativas de balançar as redes.

Com o empate, a decisão foi para as penalidades e enquanto os visitantes acertaram todas as cobranças que tiveram, o Papão do norte errou duas das suas quatro cobranças, já que Ozeias e Enzzo não marcaram.É a primeira vez na sua história que Tombense garante vaga na terceira fase, antes de 2022, os mineiros haviam disputado a competição quatro vezes, tendo sido eliminado na primeira fase duas vezes e  outas duas na segunda fase.

Crédito foto principal: Hiago Ferreira/Moto Club.

Jogadores e comissão técnica do Tombense após classificação. Crédito: Reprodução/Tombense.