Últimas Notícias

Manchester City ganha de 3 a 0 do Brighton e recupera liderança no Campeonato Inglês

Depois de ver a vitória do Liverpool sobre o Manchester United por 4 a 0, ontem, o Manchester City tinha somente um objetivo no jogo de hoje contra o Brighton: vencer. Além da conquista dos três pontos seria fundamental ,também, a recuperação da liderança no Campeonato Inglês.

No primeiro tempo, o City pressionou ao máximo a defesa do Brighton. As chances foram muitas e logo aos 2 minutos, Mahrez perdeu a chance de inaugurar bem cedo o placar. Seu chute foi por cima da trave de Sánchez. Eles já tinham a noção do que os esperava na partida.

De Bruyne, Mahrez, Bernardo Silva, Gundogan perderam chances de abrir o marcador ainda no primeiro tempo. Os torcedores no Etihad Stadium, nessa quarta feira, tinham a noção exata da importância dessa vitória. Um empate ou uma derrota,certamente,seria o fim da conquista do Campeonato Inglês.

O segundo tempo trouxe, enfim, o alívio necessário e não demorou muito. Aos 8 minutos, arrancada de Phil Foden pelo meio da zaga do Brighton. A bola sobra para Mahrez chutar e fazer o primeiro gol do City. Um alívio aos torcedores, jogadores e comissão técnica, principalmente Pep Guardiola. Há uma nítida perda da força da equipe nesse final de temporada.

O City fez o segundo gol, aos 20 minutos,em outro lance envolvendo Phil Foden. Mas desta vez foi Mahrez quem passou passou a bola ao atacante. Ele chutou da entrada da área e a bola desviou na zaga. Foden trouxe a tranqüilidade necessária à equipe.

Em uma saída de bola do time do Brighton, aos 36 minutos, e a vitória foi consolidada nesse lance. O ataque do City pressionou a defesa e em apenas dois toques, Bernardo Silva colocou no canto direito de Robert Sánchez. A liderança estava de volta.

O City tem jogos decisivos daqui por diante. Pelo Campeonato Inglês, não pode perder pontos porque o Liverpool tem mostrado muito mais força e imposição em campo do que ele. Empatar ou perder agora significa a perda do Campeonato ao time de Jürgen Klopp .

E encara o Real Madrid pela semi final da Liga dos Campeões, na próxima terça feira. Nessa competição, a concentração precisa ser máxima porque os erros cometidos não dão chances de se recuperar. Chegou a hora da verdade aos comandados de Pep Guardiola. E até para ele mesmo !

Foto: EFE / EPA / ANDREW YATES